segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

A Importância da Decoração

Ao chegar em uma festa infantil, a primeira coisa que se nota é a decoração. Para não errar, os pais ou o encarregado pela organização devem definir um cronograma de trabalho que envolve a escolha do tema, a preparação dos docinhos - que, sim, também fazem parte da decoração - e da mesa, é claro. 

Escolha do tema
Definir o tema da festa talvez seja a tarefa mais difícil - mas a mais divertida com certeza - de realizar durante a organização. Entre os famosos, “A Galinha Pintadinha” está em alta e esteve presente nas festas de Arthur, filho da apresentadora Eliana, Laurinha, neta de Fafá de Belém, e Lorenzo, filho de Luciana Gimenez. O tema “circo” também é uma escolha freqüente. Scheila Carvalho usou na festa da filha Giullia e de Adriane Galisteu na comemoração do aniversário de Vittorio. Mas pesquisar ou buscar referências, nesse caso, não ajuda muito. O que vale é a opinião do aniversariante. “Se a criança ainda não fala, os pais definem opções a partir do que o filho gosta. Depois, aqui no ateliê, separamos três temas e vemos com qual ela se identifica”. Vale lembrar que essa é a decisão mais importante, já que determina a escolha dos demais itens.

Doces fazem parte da decoração

Hoje, a principal tendência no que diz respeito à decoração de festas é dar atenção aos detalhes e personalizar cada item. Na mesa de aniversário da Maria Catherine, filha da cantora Aline Barros, todos os docinhos tinham embalagem temática. A apresentadora Angélica também decorou a mesa para a comemoração dos cinco meses de Eva com docinhos personalizados. E não eram poucos. Afinal, quanto mais, melhor - e mais bonito! “Todos os detalhes podem acompanhar o tema da festa. Mas é importante que estejam em harmonia. Uma dica: escolha o mesmo profissional para fazer todas as embalagens ou compre no mesmo local”.

Espaço dedicado à mesa
Quem estiver organizando a festa precisa saber qual é o tamanho do espaço para a montagem da mesa, principalmente se for uma mesa pronta, que não desmonta. “A mesa desmontável oferece mais possibilidades de adequação ao ambiente”, diz Ana. Mesmo assim, a recomendação ainda é válida. “Não adianta querer colocar uma mesa de seis metros em um salão com trinta mesas para os convidados. Ainda que se possa ser adaptada, a mesa precisa ter espaço definido dentro do salão”, recomendo.

Planeje com antecedência
O ideal é que a decoração comece a ser planejada cerca de dois meses antes da festa. Mas o tempo varia de acordo com o desejo dos pais. Quando uma empresa é contratada para fazer toda a decoração, o prazo é negociado e existe a garantia de que tudo estará pronto a tempo. “Eu, por exemplo, demoro um mês para produzir uma mesa de um tema que eu já tenha feito”, diz a decoradora. Se os itens que compõem a decoração forem comprados separadamente, o responsável pela organização precisa fazer um cronograma para não perder os prazos. E por fim, caso o tema escolhido seja exclusivo, as empresas precisam de mais tempo para executar. “Se o tema é novo, são necessários três meses para executar”, afirma.

Detalhes que fazer a diferença
Não dá para esquecer o enfeite da mesa dos convidados, as toalhas decoradas, as bexigas e, em alguns casos, as fotos que vão decorar o salão. Deixe a sua criatividade te guiar nesse momento! A única recomendação é criar uma decoração harmoniosa, sem excessos e exageros.

Dicas: http://caras.uol.com.br/



Bjos
Bu Ba
Ocorreu um erro neste gadget